Jeremy Lake

Jeremy Lake

Jeremy Lake começou a estudar violoncelo aos dez anos de idade. Em 1984 iniciou os seus estudos com Joan Dickson e em 1986, sob a tutela da mesma professora, ingressou no Royal College of Music in London, como bolseiro. Durante os cinco anos de estudo no RCM, Jeremy ganhou vários prémios como solista, no ambito da musica de câmara e musica contemporânea.

Pertenceu ao quarteto de cordas Dusinberre, ao Lake Piano Trio, e foi convidado a participar num recital ,com o célebre Mistislav Rostroprovich, num concerto de angariação para o RCM.

Jeremy participou em inumeras masterclasses com Wiliam Pleeth, Johannes Goritzki e Timothy Hugh, decidindo, em 1991, continuar os seus estudos com Timothy Hugh, tendo sido contemplado com uma bolsa de estudo da Martin Musical Tust.

Durante este periodo, Jeremy foi finalista no concurso European Music for Youth, tendo a final lugar no Purcell Room em Southbank, em Londres. Iniciou a sua colaboração regular com a Orquestra Symfónica de Birmingham sob a batuta de Sir Simon Rattle. Também colaborou com Royal Philharmonic Orchestra de Londres, BBC Welsh Orquestra, a Northern Sinfonia, foi assistente principal violoncelo convidado de Welsh National Opera e primeiro violoncelo de variadas orquestras freelance e ensembles em Londres.

Em 1998 Jeremy chegou a Lisboa e ingressou na Orquestra Metropolitana de Lisboa , onde foi chefe de naipe, e professor na Academia Nacional Superior de Orquestra. Em 2001 iniciou a sua colaboração com a Orquestra Gulbenkian, sendo efetivo desde 2005. Em 2013 foi convidado a ser membro da Camerata Atlântica.

veja também

Ana Beatriz Manzanilla

Ana Beatriz Manzanilla

A violinista venezuelana Ana Beatriz Manzanilla tem realizado uma variada actividade musical, actuando em recitais …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *